GNR resgata macaco encontrado na via pública em Almada

| País

A GNR resgatou um macaco que se encontrava na via pública na Charneca de Caparica, em Almada, tendo a proprietária sido identificada pelas autoridades, foi hoje anunciado.

"Na sequência de uma denúncia, a informar que se encontrava na via pública um primata, os militares deslocaram-se ao local, tendo procedido ao resgate do mesmo", refere a GNR, em comunicado.

A operação foi efetuada pelo Núcleo de Proteção Ambiental de Almada, com a proprietária a ser identificada, tendo sido elaborado o respetivo auto de contraordenação por violação do Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção.

"A proprietária ficou como fiel depositária do primata até conclusão dos trâmites do processo por parte do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas", acrescenta."Na sequência de uma denúncia, a informar que se encontrava na via pública um primata, os militares deslocaram-se ao local, tendo procedido ao resgate do mesmo", refere a GNR, em comunicado.

A operação foi efetuada pelo Núcleo de Proteção Ambiental de Almada, com a proprietária a ser identificada, tendo sido elaborado o respetivo auto de contraordenação por violação do Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção.

"A proprietária ficou como fiel depositária do primata até conclusão dos trâmites do processo por parte do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas", acrescenta.

Tópicos:

Charneca Caparica, Espécies, Flora Selvagem Ameaçadas, Florestas, Proteção Ambiental,

A informação mais vista

+ Em Foco

Em 9 de abril de 1918, a ofensiva alemã varre a resistência portuguesa. O dossier que se segue lança um olhar sobre o antes, o durante e o depois.

    Quase seis décadas depois, a Presidência de Cuba deixou de estar nas mãos de um membro do clã Castro.

    Kim e Donald passaram do insulto à vontade mútua de fazer história. Bem-vindos à era das ilusões.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.