GNR resgata macaco encontrado na via pública em Almada

| País

A GNR resgatou um macaco que se encontrava na via pública na Charneca de Caparica, em Almada, tendo a proprietária sido identificada pelas autoridades, foi hoje anunciado.

"Na sequência de uma denúncia, a informar que se encontrava na via pública um primata, os militares deslocaram-se ao local, tendo procedido ao resgate do mesmo", refere a GNR, em comunicado.

A operação foi efetuada pelo Núcleo de Proteção Ambiental de Almada, com a proprietária a ser identificada, tendo sido elaborado o respetivo auto de contraordenação por violação do Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção.

"A proprietária ficou como fiel depositária do primata até conclusão dos trâmites do processo por parte do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas", acrescenta."Na sequência de uma denúncia, a informar que se encontrava na via pública um primata, os militares deslocaram-se ao local, tendo procedido ao resgate do mesmo", refere a GNR, em comunicado.

A operação foi efetuada pelo Núcleo de Proteção Ambiental de Almada, com a proprietária a ser identificada, tendo sido elaborado o respetivo auto de contraordenação por violação do Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção.

"A proprietária ficou como fiel depositária do primata até conclusão dos trâmites do processo por parte do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas", acrescenta.

Tópicos:

Charneca Caparica, Espécies, Flora Selvagem Ameaçadas, Florestas, Proteção Ambiental,

A informação mais vista

+ Em Foco

Um mês depois dos incêndios, ainda há raízes em combustão sob a terra no concelho de Pedrógão Grande. Reunimos aqui um conjunto de vídeos em 360 graus captados no local.

A 17 de junho, Portugal começou a assistir ao mais mortífero incêndio de sempre. A paisagem de Pedrógão Grande mantém-se em tons de sépia. Um cenário captado pelo fotojornalista Pedro A. Pina.

    Nos últimos dois anos a RTP ouviu três vozes com diferentes perspetivas do conflito israelo-palestiniano: Miko Peled, Shahd Whadi e Tamir Ginz.

    Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A caminho das autárquicas a Antena 1 fixa o país em 20 retratos.